Novidade financeira: Pagamento da taxa condominial através do cartão de crédito

Super Zelo traz novidade aos condôminos com mais uma facilidade para pagamento do condomínio a partir de julho

O pagamento através do débito automático é umas das facilidades encontradas pelos consumidores, porém nem sempre tudo pode ser pago através dele e um dos exemplos é a taxa condominial.

O sistema financeiro brasileiro está entre os principais vilões dessa história, uma vez que o mesmo obriga as empresas a fazerem convênios com as principais instituições financeiras do país o que prejudica o setor financeiro dos condomínios.

Com foco em reduzir a inadimplência dos moradores e facilitar ainda mais o pagamento da taxa do condomínio, uma nova opção de pagamento vem sendo utilizada pelas administradoras de condomínios: o pagamento em débito automático através do cartão de crédito.

A partir do mês de julho os clientes da Super Zelo também poderão contar com esse tipo de pagamento e neste post explicamos um pouco mais como ele irá funcionar.

Taxa Condominial: Como funcionará o pagamento através do Cartão de Crédito?

Com o objetivo de melhorar o atendimento e a comodidade no pagamento das taxas condominiais, a Super Zelo, assim como outras administradoras, optou por incrementar mais uma forma de pagamento aos seus clientes.

Através de três modalidades, o condômino poderá escolher a melhor forma de pagamento que cabe dentro do seu orçamento. São elas: Recorrente, Mês a Mês e Parcelada.

Na maneira recorrente o morador poderá realizar um cadastro do cartão na página segura do condomínio ou através do link enviado pelo próprio boleto.

Uma vez cadastrado todo mês o valor será debitado automaticamente do cartão, facilitando assim o pagamento do condomínio e evitando possíveis inadimplências.

Nesse quesito é importante destacar que o pagamento acontecerá de forma automática, ou seja, não acontecerá através de uma máquina de cartão, a qual libera o pagamento através de senha e sim em uma modalidade chamada de “adquirentes de pagamento recorrente com cartão não presente”, como um serviço de débito automático mesmo, porém no cartão de crédito.

Já na maneira Mês a Mês o condômino poderá escolher a forma que deseja pagar sua taxa a cada mês, ou seja, poderá escolher o cartão ou o boleto conforme a necessidade.

E na maneira Parcelada, como o próprio nome já diz, a taxa poderá ser parcelada no cartão em até 12x de forma a aliviar o orçamento do mês e manter a taxa condominial em dia.

 

Cartão de Crédito e suas vantagens

Sobre a facilidade de pagamento todos já conhecem, porém o pagamento do condomínio através do cartão de crédito também traz outras vantagens que valem apena ser conhecidas. Dentre elas estão:

  • Mesma conveniência que o débito automático
  • Possibilidade de parcelamento em até 12x da taxa condominial
  • Acumulação de pontos no cartão
  • Sem custo extra para o condômino
  • Redução da Inadimplência
  • O pagamento via débito automático do cartão de crédito não compromete o limite do cartão do condômino.

Além de tudo isso que foi citado, o cartão de crédito está atrelado a necessidade de comodidade dos condôminos, uma vez que o conforto de pagamento através do mesmo permite que as contas sejam sanadas, mas sem interferir na rotina do dia-a-dia super corrida das pessoas.

O que muda em relação ao pagamento?

A principal mudança é o aumento de opções para pagamento da taxa condominial, ou seja, os moradores terão duas opções disponíveis sendo uma em boleto e outra em débito automático no cartão de crédito.

Para os condomínios as cobranças deverão ser geradas entre a 40 a 30 dias de antecedência do vencimento de modo a garantir o recebimento no dia do vencimento.

É importante ressaltar que o pagamento através do boleto bancário ainda acontecerá para quem assim deseja, não sendo obrigatório fazer uso do mesmo. Porém caso futuramente pretenda aderir a nova forma de pagamento ainda poderá usufruir se cadastrando através do link presente no boleto para esse fim.

Os benefícios para os Condomínios

Dentre as vantagens para o condomínio do sistema pelo cartão está o gerenciamento do pagamento pelo mesmo, o qual gerencia, cobra e notifica o morador sozinho, sem precisar aumentar a demanda de trabalho, além é claro de diminuir os casos de inadimplência que ainda são altos para esses tipos de serviço.

A taxa a ser paga pelo condomínio varia de 2,85 a 3,85 reais por pagamento, o mesmo utilizado no custo do boleto bancário atualmente, ou seja, não custa mais caro para aderir à opção.

Outra vantagem que pode ser citada está na receita mais previsível, o qual traz maior segurança para o gestor onde a confirmação de pagamento acontece na hora.

Dentre as observações que devem ser destacadas

O pagamento através do cartão de crédito é visto como uma das facilidades no pagamento. Porém assim como qualquer outro tipo de escolha requer algumas atenções antes de ser aderido visto que dependendo do vencimento do cartão poderá acumular duas taxas condominiais no primeiro mês para pagar. Caso esse tipo de cobrança venha a acontecer o condômino será avisado no momento da adesão.

Outra questão importante a ser falada está na autorização do cartão a cada mês. Como já explicamos o pagamento será automático e caso, por ventura, o cartão não seja autorizado em um determinado mês, o condômino será avisado através do e-mail e um boleto emitido para a realização do pagamento.

 

Compartilhe este post